Palavra Chave:


Conheça mais
    Faça sua reclamação
    Direitos de Família
    Direito Penal
    Direito Civil
    Direito Trabalhista
    Direito do Consumidor
    Direito Previdenciário
    Polícia
    Política
    Direito Procesual Civil
    Direito Previdenciário
    Direito Processual Penal
    Sua Saúde
    Noticias
    QUEM SOMOS
Arquivos
    Publicações
    Petições


'É muita desfaçatez', diz leitor sobre uso de aviões da FAB por presidentes do Congresso
Os estudantes, o presidente da Câmara e o presidente do Senado querem, de todas as maneiras, o passe livre. Os...
O RITMO DA VEZ - Funk faz das mulheres meros objetos
Invenção 100% carioca, oriunda das periferias, o funk expande a cada dia seu habitat e ganha as paradas de sucesso. Com...
veja mais

 

11/07/2012 - Luciana Saddi: Alienação parental é uma tragédia

Luciana Saddi: Alienação parental é uma tragédia

Publicidade

 DE SÃO PAULO

Desde 2010, o ECA (Estatuto da Criança e Adolescente) prevê punição para quem comete alienação parental --que é quando um genitor tenta destruir a imagem do outro para o filho.

Havendo condenação, os culpados estão sujeitos ao pagamento de multas, perda da guarda e a detenção de seis meses a dois anos.

Segundo a psicanalista e blogueira da Folha.com Luciana Saddi, o principal motivo que leva o genitor a desqualificar o outro e a desestimular os filhos a terem contato com ele é a dificuldade em elaborar o trauma da separação.

"Nesses casos, as crianças são usadas como joguetes".

Abaixo, a especialista fala sobre os prejuízos causados na vida dos filhos. Ela destaca que quando forem mais velhos podem perceber que foram vitimas e cúmplices de uma estratégia maligna.

"A dor causada pela mentira gera desagregação", diz Luciana. Neste caso, a estratégia do parente pode se voltar contra ele no futuro.

Folha de São Paulo - 30-06-2012

http://www1.folha.uol.com.br/multimidia/podcasts/1112543-luciana-saddi-alienacao-parental-e-uma-tragedia.shtml

Inserida por: Dr. Espirito Santo fonte:  Folha de São Paulo
Imprimir   enviar para um amigo
Décimo terceiro integra cálculo da pensão alimentícia
Décimo terceiro salário integra base de cálculo da pensão alimentícia. A decisão é da 3ª Turma do Superior Tribunal de Justiça.
Alimentos entre colaterais
Quando cabe alimentos entre colaterais?
Responsabilidade civil por abandono paterno
Pela primeira vez, serão debatidas no Superior Tribunal de Justiça (STJ) questões como se o papel dos pais se limita ao dever de sustento...
Infidelidade Virtual
Instituto moderno, cada vez mais comentado, é a infidelidade ou adultério virtual, no qual a pessoa casada ou em união estável passa a ter as mais diferentes experiências sexuais, via internet...
TJ gaúcho reconhece união estável de casal homossexual
O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul reconheceu a união estável entre duas mulheres e determinou que a companheira viúva entre na partilha de bens. A decisão é da 7ª Câmara Cível. Cabe recurso.
Dificuldade financeira não desobriga o pagamento de pensão alimentícia
Desemprego não torna nula a cobrança de pensão alimentícia.
Pai condenado por abandono de filho.
O papel dos pais se limita ao dever de sustento? Prover materialmente o filho basta ou a subsistência emocional também é uma obrigação legal dos pais? A ausência de afeto dos pais para com os filhos pode ser motivo de indenização por dano moral?

Total de Resultados: 457

Mostrando a página 46 de um total de 46 páginas

InícioAnterior37383940414243444546

  Cadastre seu email e receba as novidades do reclamando.com.br
Cadastrar | Remover