Palavra Chave:


Conheça mais
    Faça sua reclamação
    Direitos de Família
    Direito Penal
    Direito Civil
    Direito Trabalhista
    Direito do Consumidor
    Direito Previdenciário
    Polícia
    Política
    Direito Procesual Civil
    Direito Previdenciário
    Direito Processual Penal
    Sua Saúde
    Noticias
    QUEM SOMOS
Arquivos
    Publicações
    Petições


Leitor de Jacarezinho critica
Participei no último dia 9 do evento da Universidade Sem Fronteira, no Teatro Ouro Verde, em Londrina, e fiquei triste...
"Brasil não poderia contratar médicos sem pagar 'pedágio' a Cuba?", pergunta leitor
Se não pensou é porque sabia da resposta à questão anterior e, acima de tudo, acha que está liberado para fazer...
veja mais

 

23/04/2008 - Dicas para pagar menos taxas bancári

Novas regras do Banco Central sobre as tarifas dos bancos passam a valer no próximo dia 30

Em dezembro do ano passado, o Banco Central (BC) divulgou novas regras para tarifas cobradas pelos bancos. Na época, o Conselho Monetário Nacional (CMN) estabeleceu três resoluções que disciplinam a cobrança de tarifas e definem as regras para o pagamento antecipado de empréstimos e para cálculo do Custo Efetivo Total (CET) do crédito.

Essas regras passam a valer no próximo dia 30 e limitam a 20 o número de serviços que podem ser cobrados, padronizam o nome desses serviços em todas as instituições e ampliam os gratuitos. Além disso, as novas tarifas só poderão sofrer reajustes semestrais.

Outra mudança anunciada foi o fim da cobrança da Taxa de Abertura de Crédito (TAC). Em contrapartida, os bancos poderão cobrar tarifas para abertura de conta, renovação de cadastro (a cada seis meses) e também pela contratação de empréstimos por correntistas e não-correntistas. Aproveitando as novas regras, as instituições financeiras já aumentaram algumas tarifas e, com isso, alguns serviços ficam muito mais caros, como a confecção de cadastros.

No último dia 31 de março, os bancos começaram a divulgar nas agências e sites da internet a nova tabela de tarifas bancárias para pessoas físicas. Uma dica para pagar menos taxas é observar os pacotes de serviços disponibilizados pelos bancos - agora as instituições precisam ter quatro tipos (serviços essenciais, prioritários, especiais e diferenciados) -, quanto écobrado por cada um e o quais itens oferecem.

Folha de Londrina – 19.04.2008

Inserida por: Dr. Espirito Santo fonte:  Folha de Londrina
Imprimir   enviar para um amigo
Google é condenado por página que chamava mãe e filha de prostitutas
Ele acrescenta que ainda vai ingressar com uma ação para reparação de danos morais contra o autor da página.
Feridas da segurança custam R$        8 mi
A Polícia Militar do Paraná não informou quantos policiais foram mortos desde 2005, mas de 2011 para cá nove foram assassinados.
Dano existencial tenta reparar tempo perdido
A professora de Direito Civil da Universidade Positivo Glenda Gonçalves Gondim observa que, na doutrina italiana, o dano existencial tem uma justificativa maior do que na brasileira.
STJ manda patrão dividir prêmio da Mega-Sena
O ex-empregado entrou com ação declaratória e pediu indenização por danos morais a ser paga pelo empregador.
Ratinho e SBT terão de pagar 500 salários mínimos a ex-jogador Roberto Falcão
Veja a matéria copleta no link: http://ultimainstancia.uol.com.br/conteudo/noticias/57999/ratinho+e+sbt+terao+de+pagar+500+salarios+minimos+a+ex-jogador+roberto+falcao.shtml
O contrato de locação na falência
Assim, até que sobrevenha o momento oportuno para a alienação dos bens arrecadados pela massa falida, os bens móveis e imóveis serão valorizados por meio das manutenções e benfeitorias realizadas pelo locatário.
Dano moral e presunção: as situações do cotidiano
É o dano moral, portanto, como extensão lógica do fato. O tema em questão encontra-se em permanente destaque devido à polêmica que discute sua pertinência e, por outro lado, sua temeridade.
Bem de família: impenhorabilidade absoluta?
A relatora do processo, ministra Nancy Andrighi, destacou que o consumidor tentou adquirir sua moradia de boa-fé e mais de 15 anos depois, ainda não havia recuperado o valor investido.
Contestado também teve fornos de extermínio
“É óbvio que as terras tinham donos. Eram dos caboclos, dos grupos miscigenados que viviam na região. Mas como eles teriam condições de pagar um agrimensor para fazer a legitimização da terra?
Ratinho Jr pede apuração dos autores do panfleto com acusações contra ele
A coligação do candidato à reeleição Luciano Ducci informou, através de nota, que a assinatura da campanha no material é falsa e que já levou o panfleto para a Justiça Eleitoral e a Polícia Federal para a devida investigação criminal.

Total de Resultados: 873

Mostrando a página 9 de um total de 88 páginas

InícioAnterior123456789101112131415161718PróximoFinal

  Cadastre seu email e receba as novidades do reclamando.com.br
Cadastrar | Remover